6 de abr de 2012

Mischief Makers

Mischief Makers (conhecido no Japão como ゆけゆけ!!トラブルメーカーズ) é um jogo que mistura os gêneros de Plataforma 2D com Puzzle. Foi desenvolvido pela Treasure e publicado pela Enix (conhecida hoje em dia como Square Enix após a fusão com a Square Soft em 2003) no Japão, e pela Nintendo na América e na Europa.


Em Mischief Makers, você controla uma andróide conhecida como Marina, que tem a missão de acabar com os planos do Império do Mal. Percebendo adiantadamente sobre isso, o Império do Mal sequestra seu criador, o Professor Theo, com o objetivo de contê-la. Então, Marina terá que resgatar seu criador, enquanto tenta acabar com os planos Império do Mal de controlar o universo.


Mischief Makers foi o primeiro jogo desenvolvido pela Enix em conjunto com a Tresaure, que até então, só havia trabalhado em títulos para o Mega Drive e Sega Saturn (ambos consoles da Sega). A decisão da Enix em convidar a Tresaure para trabalhar no desenvolvimento de Mischief Makers, foi a alta popularidade que a empresa possuía em jogos de ação. Masato Maegawa, que na época era o presidente e chefe-executivo da Tresaure, aceitou o pedido, até mesmo porque ele já havia sido um aprendiz da Enix. No início, os desenvolvedores tiveram dificuldade em desenvolver o jogo para o Nintendo 64, devido à nova interface e a falta de ferramentas para finalizar o desenvolvimento, e deixar de desenvolver jogos em CD-ROM para o Saturn, e trabalhar em jogos para os cartuchos de Nintendo 64, foi um grande desafio.

A jogabilidade e modo de batalha merecem atenção! Algo que torna esse jogo original e único, é que Marina possui a habilidade de pegar coisas e AGITAR. Exatamente isso! O jogo é tão original e diversificado, que as técnicas de pegar e agitar pode ser usado de várias maneiras diferentes! Você pode pegar os inimigos e jogá-los contra outros, batê-los no chão ou contra as paredes, você pode agitar os Clanballs e qualquer coisa pode acontecer, arremessar estrelas e até mesmo crianças pequenas para lutarem contra os inimigos. Já as lutas contra os chefes... são lendárias!!! E não estou falando nada sobre pular em cima de um chefe três vezes seguidas: "cada mundo possui um, e são completamente originais!"

Esse não é a penas um jogo, mas é também uma pilha de diversão e risos! Talvez, por mais que você tente, você nunca irá conseguir encontrar um outro jogo igual a esse... as cenas e os diálogos são hilários, e isso é algo que faz você amar e querer conhecer cada personagem do jogo! Mesmo jogando Super Mario World, Kirby, Donkey Kong Country e muitos outros jogos de plataforma, você acaba enjoando deles com o tempo, mesmo sem finalizá-los, mas com Mischief Makers, dificilmente você irá parar de jogar... à menos que um chefe ou uma fase te pare, porque esse é um jogo legal do começo ao fim!!!
 
Bom, escrevi e postei originalmente esse review no N64 Brasil, e só agora resolvi postar também aqui no União Gamers.